Saint Seiya World


A Nova Era das Trevas
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 O começo - Submundo

Ir em baixo 
AutorMensagem
Narrador
Level 4
Level 4
avatar

Número de Mensagens : 412
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : ???
Resistência : ???
Agilidade : ???
Energia : ???
Cosmo (%) :
100 / 100100 / 100

Vida (%) :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 16/07/2008

MensagemAssunto: O começo - Submundo   Qua 16 Set 2009 - 9:14

So I run, and hide, and tell myself I'll start again with a brand new name, and eyes that see into infinity...

I will disappear; I told you once and I'll say it again: I want my message read clear; I'll show you the way, the way I'm going -

So I run, and hide, and tell myself I'll start again with a brand new name, and eyes that see into infinity...

I was almost there, just a moment away from becoming unclear - ever get the feeling you're gone? I'll show you the way, the way I'm going -

So I run, and hide, and tell myself I'll start again with a brand new name, and eyes that see into infinity...

So I run - start again - with a brand new name - with a brand new name!

So I run, and hide, and tell myself I'll start again with a brand new name, and eyes that see into infinity...

... I will disappear....


Mais um fim de dia no Submundo; o sol e a lua não se põem ou se levantam, e reina apenas uma penumbra eterna no mundo dos mortos. E os espectros, neste lugar sombrio sob a terra, jamais descansam de sua eterna labuta para manter os domínios de Hades...


30 Seconds to Mars - Capricorn
https://www.youtube.com/watch?v=dHg4ckc8jII
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Byako

avatar

Número de Mensagens : 15
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : 1 +0
Resistência : 1 +0
Agilidade : 1 +0
Energia : 1 +0
Cosmo (%) :
0 / 1000 / 100

Vida (%) :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/09/2009

Cavaleiro
Vida:
10/10  (10/10)
Cosmo:
0/0  (0/0)

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Qua 16 Set 2009 - 16:56

Byako andava pelo submundo patrulhando as almas. Uma por uma ele olhava e cuidava para que estivessem em sua perfeita ordem. Passou por todos as prisões, uma por uma ele vasculhava e olhava alma uma por uma para certificar se estavam no local correto. Mas uma não estava correta...




- Lixo... só sabe me dar trabalho... Vou te mandar para o local correto! Cadeado Mort...

// Não... é melhor eu não fazer isso... Balrog ficou irritado da última vez que eu fiz o trabalho dele. E por acaso preciso teme-lo? Esquece! Nós espectros, de um lixo de guerreiro como Balrog até um exímio espectro como eu, que me equiparo com os Juízes, perante Hades somos todos iguais... Atena já é um grande problema, melhor não criar intrigas//

Byako usando seu poder libera a alma do julgamento e a manda para o juizado para ser re-julgada. Depois disso ele parte para o começo do Meikai, onde recomeçaria sua eterna tarefa. Byako não se importava mais achava que o Meikai estava relaxando, e que não estava tão organizada quanto antigamente...

- Onde já se viu... Colocar um ladrão em Cocytos! O local dos que se rebeliam contra os deuses... O livro de Balrog deve estar ficando ultrapassado... Hahaha...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dario de Benu

avatar

Alcunha : "O feridor de decoros."

Número de Mensagens : 35
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : 1 +0
Resistência : 1 +0
Agilidade : 1 +0
Energia : 1 +0
Cosmo (%) :
0 / 1000 / 100

Vida (%) :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/09/2009

Cavaleiro
Vida:
10/10  (10/10)
Cosmo:
0/0  (0/0)

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Qua 16 Set 2009 - 21:53

Legenda temporária:
"Fala"
"Pensamento"

Ação


Estresse. No momento Dario sentia apenas isso. O submundo estava-o torturando mentalmente com aqueles mortos gritando loucamente, pedindo misericórdia, socorro e perdão. Todos diziam que ia se acostumar logo, mas não conseguia; embora odiasse a Grécia conseguia encontrar um lugar em que pudesse ficar sossegado.

“Como podem suportar?”


Perguntas das mais diversas ecoavam por usa mente. Algumas almas rebeldes insistiam em atacar ou fazer confusão, mas eram contidas em pouco tempo, nada eram comparadas aos espectros.

Degustava de um vinho delicioso. Embora o submundo fosse um local onde torturas eram freqüentes eles tinham certa classe. Grande parte dos espectros eram muito educados e só de observá-los Dario aprendeu algumas coisas.

“Pessoas desesperadas para voltar a vida são castigadas nesse local. Pagarão eternamente com dor e sofrimento os pecados que cometerão. Tenho dó dessas pobres criaturas.”

Próximo ao rio Aqueronte observava as almas clamando por ajuda e perdão. Imaginava um dia ver seu irmão naquele diabólico lugar, desesperado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Level 4
Level 4
avatar

Número de Mensagens : 412
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : ???
Resistência : ???
Agilidade : ???
Energia : ???
Cosmo (%) :
100 / 100100 / 100

Vida (%) :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 16/07/2008

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Qui 24 Set 2009 - 13:48

Byako:

Patrulhando o Submundo, de repente o espectro sente o sono assaltar-lhe os sentidos, apesar do corpo e mente resistentes. O cansaço é tamanho que ele sente vontade de sentar-se e tirar um cochilo. Quinze minutinhos fariam mal?, diz uma vozinha no fundo de sua cabeça.

Rendendo-se ou não, ele de repente tem uma visão: diante de seus olhos desenham-se linhas e letras, rápidas, passando como se fossem escritas em luz sobre páginas impossíveis. As páginas voltam, falando de eras cada vez mais remotas com vozes esquecidas...

http://saintseiyaworld.rpgwars.org/o-livro-de-mneme-f47/1743-t1324.htm

-----

Dario:

As águas silenciosamente macabras do rio dos mortos, perturbadas apenas pelas almas condenadas que lutam para sair, afundando umas às outras, correm em seu leito, inalteradas desde o começo dos tempos. Era um lugar de estranha paz, comparado ao resto do Submundo.

Mas o que era aquilo? Pela corrente descem folhas de papel, páginas arrancadas de algum livro. Mas o que fariam no Aqueronte?...

http://saintseiyaworld.rpgwars.org/o-livro-de-mneme-f47/2021-t1325.htm
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexander de Fênix
Level 3
Level 3
avatar

Número de Mensagens : 266
Idade : 47
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : 1 +0
Resistência : 1 +0
Agilidade : 1 +0
Energia : 1 +0
Cosmo (%) :
0 / 1000 / 100

Vida (%) :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/09/2008

Cavaleiro
Vida:
10/10  (10/10)
Cosmo:
0/0  (0/0)

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Qui 24 Set 2009 - 17:14

*Desde que chegou ao Submundo e assumiu o posto de juiz dos mortos, o trabalho de Alexei tem sido quase incansável, tornando suas horas de lazer muito escassas, mas hoje, aproveitando-se de um raro momento de descanso, o Kyoto de Wyvern senta numa cadeira a fim de ler um livro comprado numa das poucas vezes que foi à Atenas.*

"Há muito e muito tempo, numa terra chamada Britânia, estas coisas aconteceram. O bispo Sansum, a quem Deus deve abençoar acima de todos os santos vivos e mortos, diz que estas memórias deveriam ser lançadas no poço sem fundo junto com todas as outras imundícies da humanidade decaída, pois são as histórias dos últimos dias antes que a grande escuridão baixasse sobre a terra que chamamos de Lloegyr, que significa Terras Perdidas, o país que um dia foi nosso mas que nossos inimigos agora chamam de Inglaterra. Estas são as histórias de Artur, o Senhor das Guerras, o Rei que Nunca Existiu, o Inimigo de Deus e - que o Cristo vivo e o bispo Sansum me perdoem - o melhor homem que conheci. Como chorei por Artur!

Hoje está frio. Os morros são de uma palidez mortal e as nuvens escuras..."


*De repente, a leitura de Alexei é interrompida pelo som de uma poderosa explosão e o Espectro larga seu livro, partindo velozmente rumo ao local de onde partiu o estrondo, disposto a castigar duramente quem se atreveu a acabar com seu momento de tranquilidade.*

*Chegando ao local, ele encontra uma Alma Devoradora devorando alguns espíritos mais fracos. Sem hesitar um instante sequer, Alexei explode seu cosmo ao mesmo tempo em que a criatura larga os espíritos e parte em sua direção a fim de atacá-lo.*

- Alma Devoradora idiota! Retorne agora mesmo à prisão de onde veio! MAKSIMALNAJA OSTOROZHNOST!!!!

*Imediatamente, uma poderosa rajada de energia é disparada e parte em direção ao inimigo, impedindo-o de se aproximar. Dois segundos após o impacto, não resta mais nada a não ser Alexei de Wyvern e as poucas almas que ainda permaneciam no local.*

- Finalmente poderei retornar ao meu merecido descanso!

[P.S: As palavras usadas no meu post pertencem ao livro "O Rei do Inverno", primeiro volume das Crônicas de Artur, escrito pelo escritor inglês Bernard Cornwell, um dos mais importantes autores britânicos da atualidade, cujos obras já foram traduzidas para mais de 16 línguas e alcançaram rapidamente o topo das listas de mais vendidos em vários países, com mais de 4 milhões de exemplares comercializados em todo o mundo.]

_________________


Créditos: Pandora (sign)

Faça algo útil ao nosso planeta. Ingresse na Sea Shepherd hoje mesmo e ajude a salvar a vida marinha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Level 4
Level 4
avatar

Número de Mensagens : 412
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : ???
Resistência : ???
Agilidade : ???
Energia : ???
Cosmo (%) :
100 / 100100 / 100

Vida (%) :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 16/07/2008

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Seg 26 Out 2009 - 23:19

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra
Level 3
Level 3
avatar

Alcunha : A Mariposa Branca

Número de Mensagens : 243
Idade : 28
AVISOS :
0 / 30 / 3

Força : 1 +0
Resistência : 1 +0
Agilidade : 1 +0
Energia : 1 +0
Cosmo (%) :
0 / 1000 / 100

Vida (%) :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 20/04/2009

Cavaleiro
Vida:
10/10  (10/10)
Cosmo:
0/0  (0/0)

MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   Dom 28 Mar 2010 - 20:22

Aspros,

Você só pode postar em quests, mesmo em Off, depois que o moderador responsável pela quest autorizar.

Lembrando que a quest teve um período de inscrições bem definido e não sei se poderar participar, apesar de ter entrado no fórum depois.

Estou retirando seu post dessa seção até que o moderador responsavel te autorize.

Nota: Diminui sua sign, pois está muito grande e fora dos padrões que colocamos, coloqueia imagem do Minos como Spoiler e diminui o espaçamento entre as frases. Nem todos os players tem uma boa velocidade de conexão e assinaturas muito grandes atrapalham o carregamento da página.

Obrigada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O começo - Submundo   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O começo - Submundo
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» S.P.E. - O Novo Começo (Crônica Oficial)
» O início da aventura começa, a Rota 1
» [Tutorial][PT1] Criar um site - Layout
» Kiire - Brown Cave, começando o trabalho de Ranger!
» O Último Guardião: E a lenda começa

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Saint Seiya World :: Área Livre :: O Livro de Mneme-
Ir para: